Skip to content

Corretores: características, onde encontrar e muito mais!





Os corretores são profissionais que operam negócios interessados a duas ou mais pessoas, com o objetivo de comercializar imóveis, seguros, ativos da bolsa de valores ou compra de moeda estrangeira.

Eles são os chamados corretor de imóveis, corretor da bolsa de valores, corretor de seguros ou corretor de câmbio. A operação destes negócios é chamada de corretagem e eles recebem um percentual previamente acordado sobre o negócio a ser fechado.

Para exercer sua atividade, os corretores devem estar sempre em contato com o cliente. Lhe orientando e mostrando as melhores e mais vantajosas formas de se realizar um negócio.

É sua obrigação assessorar seu cliente das melhores práticas, para promover o desejo de milhares de pessoas que sonham em ter um imóvel próprio, investir suas receitas na bolsa de valores, fazer um seguro de vida ou comprando moeda estrangeira para realizar aquela tão sonhada viagem.




No entanto, nem tudo são flores nesse universo. Os corretores de forma geral, sejam eles corretores de imóveis, corretores coligados ou corretores associados, tem uma imagem arranhada por uma fama de serem muito espertos e quererem levar vantagens em cima do seu cliente.

Por isso, pensando em você, que está querendo contactar um corretor, escrevemos este artigo com boas dicas da profissão, conforme os tópicos a seguir:

Quais as funções dos corretores?

o que é corretores imóveis
Corretores: características, onde encontrar e muito mais!

Os corretores, independente da área de atuação, tem por obrigações orientar e assessorar seus clientes para a realização do melhor negócio a ser concretizado. O cliente precisa confiar nele para não fazer um mau negócio e ao invés da realização de um sonho, ter muita dor de cabeça.




As principais atividades de um bom corretor, são:

  • Intermediador – Ele funciona como um elo entre as partes, buscando as melhores opções de negócio;
  • Avaliador – Ele funciona como o advogado do diabo, mostrando os riscos que o negócio pode ter para as duas partes;
  • E por último, cuida da parte burocrática do negócio, como a documentação necessária para realização do negócio;

Onde encontrar corretores de qualidade?

Quando buscamos um profissional para intermediar um negócio que pede a expertise da corretagem, procuramos por corretores autônomos, de empresas consolidadas com os corretores Allianz seguros ou os corretores Bradesco seguros.

Em todos os segmentos do mercado, existem os bons e os maus profissionais. Com a área de corretagem não poderia ser diferente. Portanto, dependendo de sua necessidade, procure os corretores de empresas já consolidadas no mercado, como a Porto Seguro, a AON, o Banco do Brasil, o Bradesco.

Você também pode acessar o site da SUSEP – Superintendência de Seguros Privados, órgão responsável pelo controle e fiscalização dos mercados de seguro, previdência privada e capitalização, e fazer consulta a respeito dos corretores de qualidade.




Temos também uma outra fonte de consulta, que é a Fenacor – Federação Nacional dos Corretores de Seguros Privados e de Resseguros, de Capitalização, de Previdência Privada, das Empresas Corretoras de seguros e afins.

Como ser um corretor?

Você pode ser um corretor empregado de uma grande seguradora como a porto seguro, a AON ou Bradesco ou ser um autônomo, que é quando falamos que o corretor é profissional liberal, dono do seu próprio negócio. Exercer a atividade de corretagem e ser um corretor é uma boa profissão. Porém você precisa ser habilitado para praticar esta função.

A seguir listaremos os principais requisitos:

  •  Corretor Imobiliário – Tem que realizar o curso de Gestão Imobiliária com duração de 2 anos ou fazer a faculdade de Ciência Imobiliárias, com duração de 4 anos. Precisa se inscrever no conselho da categoria, que é o CRECI;
  • Corretor de Seguros – Ser maior de 18 anos e ter segundo grau completo. Ele precisa ser aprovado no Exame para Habilitação de Corretores de Seguros da Escola Nacional de Seguros, em um curso que dura 9 meses. Posteriormente, deve se cadastrar e se certificar junto à SUSEP – Superintendência de Seguros Privados. Este cadastro é realizado pelo site, via web.
  • Corretor Financeiro – é preciso realizar um exame de qualificação na Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de títulos e Valores mobiliários, Câmbio e Mercadorias. Uma vez aprovado, fica habilitado a exercer a atividade.

Quais os tipos de corretores?

Temos vários de corretores credenciados para os mais variados negócios. Temos corretores credenciados pela caixa econômica federal para compra e venda de imóvel, que é o corretor imobiliário, o corretor de seguros de vida, residencial, de carro e de planos de saúde, o corretor de financeiro, que é aquele que investe na bolsa de valores e casa de câmbio.



Portanto, seja qual for a sua necessidade, você encontrará um profissional para lhe atender.

Como é trabalhar com corretagem?

corretores financeiros

A remuneração de quem trabalha com corretagem é variável de acordo a modalidade do negócio. Cada segmento tem seu percentual aplicado sobre as vendas.

E como todo trabalho que não tem uma renda fixa, o dos corretores não pode ser diferente, é preciso que você saiba planejar seu orçamento, com as projeções dos negócios a serem realizados futuramente.

Principais características de um bom corretor!

Todo bom profissional que queira ter sucesso e destaque na sua carreira, deve ter um bom conhecimento técnico e legal daquilo que se propõe a vender e é assim com os corretores.

Entender as oscilações do mercado para enxergar um bom negócio e principalmente ser ético, honesto, empático, educado e empreendedor. Espero que este artigo o tenha ajudado a conhecer os vários tipos de corretor que atuam no mercado da corretagem.

Não perca Tempo! Entre agora na nossa página  e aproveite o conteúdo de nosso blog:    https://conectividadesocial.online/   e veja outros artigos.

Veja o vídeo: